20 de jun de 2011

Entrevista com Lavínia Talita – Aracaju –SE

Confira a Entrevista com a criativa Lavínia Talita!



Entrevista com Lavínia Talita – Aracaju –SE
Hoje a entrevista é com uma moça que além de criativa é gente boa e querida por todos.

Baú da Promoção: Lavínia,conte para os leitores do Baú como foi sua entrada para o mundo das promoções? Há quanto tempo participa?Qual foi o primeiro prêmio?

Lavínia: Olá Aline, menina mais Dulce do mundo das promoções!

( Meu Deus não acredito que tô aqui!). Bem, antes de tudo gostaria de agradecer por estar aqui (Meu Deus, não acredito que tô aqui) no Hall da Fama dos promonautas, onde sempre busquei inspiração...

Entrei para o mundo das promoções num acaso da vida. Em 2009 tive muitos problemas em minha vida e adoeci. Tive uma depressão profunda, que evoluiu pra Síndrome do Pânico.

Hoje não tenho vergonha de dizer a ninguém, por quê quero que as pessoas saibam que isso EXISTE mesmo, não é frescura, ou falta de fé em Deus, como muitos me disseram na época.

Durante este período fiquei trancada em casa, sem coragem de sair na porta. Me afastei do trabalho e dos amigos. Sentava diante do computador e ficava horas e horas, lendo, passeando no orkut, ou fazendo contas e compras e mais contas (coitado do meu Mastercard). Num destes passeios entrei na Americanas.com, para comprar livros. E lá tinha um link falando de uma promoção de dia das Mães, para uma viagem.... achei tão engraçado, até comentei com meu marido que eram promoções mentirosas, que nunca vi ninguém ganhar nessas coisas... mas, na falta do que fazer, participei.

Tempos depois, já esquecida do fato, estou à noite lendo meus e-mails e vejo:

“Parabéns Lavinia!  Você ganhou a nossa promoção de Dia das Mães e vai à Paris com tudo pago!Envie-nos seus dados!”

 Eu choquei. Parei. Olhei. Parei de novo. Olhei de novo. Pisquei. Liguei pro meu marido achando que era vírus, tentando roubar meus dados ou algo do tipo.

Liguei para as Americanas e ninguém sabia de nada. Só acreditei quando disseram minha frasezinha, simples e inocente, lá perdida em seu banco de dados: “Ir à Paris é brinde: presente é ter MELHOR MÃE DO MUNDO!”

BP:Tem noção de quantos prêmios já conquistou? 

Lavínia: Eu sou muito desorganizada. As vezes ganho e não vejo, outras perco o prazo de participar. Ano passado minha meta eram 3 prêmios por mês, em alguns meses cheguei à 30.

Sei que passaram dos 200 prêmios, entre grandes e pequenos, mas realmente não sei quantos foram... Este ano, foram mais de 100.

BP: Até agora qual foi o seu melhor prêmio? 

Lavínia: O primeiro. Com certeza. Conhecer Paris foi um sonho, que eu sequer sabia que tinha. Foi minha primeira viagem de avião, minha primeira viagem fora do estado, fora do país. Mudou minha vida.

Me deu um rumo, melhorou minha auto-estima, abriu portas que eu sequer sabia que existiam...

BP: Ganhou algum prêmio especial, que se não fosse através de Concursos jamais teria vivido ou algo parecido? 

Lavínia: Ah várias coisas.
Viagens a gente sempre sonha, se planeja, mas o dinheiro não dá, e você acaba só sonhando.
A viagem à Paris foi assim. Este ano, também teve uma oportunidade perfeita: a de conhecer o Rio de Janeiro, conhecer de perto a Sheila da Seleção brasileira de Volei, e ganhar um Ipad, que era meu sonho de consumo, e que se não fosse através de promoção eu sei que não teria condição de comprar...
Além de uma TV que ganhei ano passado, dois dias depois de quebrar a que tinha em casa!

BP: Já fez alguma loucura por causa de concursos e promoções,tem algo engraçado para nos contar? 

Lavínia: Não sei se é loucura, acho que só o básico.

Já catei lixo na rua, fiz fotos toda “ensanguentada” de ketchup (a ponto de meu filho olhar pras fotos e dizer: “Mamãe, essa moça morreu foi?”), pedi, chorei implorei pra me darem uma embalagem vazia, já cantei (com minha voz mais grossa que a de meu marido) num vídeo horroroso, que infelizmente até hoje se encontra no ar...
Já virei a noite sabendo que ia trabalhar no dia seguinte para participar de promoções e aproveitar a tranquilidade e a inspiração da madrugada...
Recentemente participei de uma promoção do GBarbosa, que tinha uma prova de resistência. Era de dia dos namorados, pra ficar em cima de uma moto. Meu marido passou mal, e depois precisou de atendimento médico.
Acho que testou meus limites nas promoções: até que ponto vale forçar para ganhar?


BP:Quais foram os seus 5 melhores prêmios?

Lavínia: Acho que participar de promoção é um vício.

Já cheguei a dizer que me dá tanto prazer ver meu nome na lista quanto receber. Valoriza o ego, a auto-estima, melhora o dia, o mês, o ano... bem, mas os melhores foram: Viagem à Paris; Viagem ao Rio de Janeiro + Ipad e um Cartão de Débito no valor de R$6.000 que veio num momento em que estava precisando bastante.

Os demais, tvs, celulares, netbooks, acho que todos tem uma emoção diferente...

BP:Participa de promoções de sorte também?Já ganhou prêmios através da sorte? 

Lavínia: Ah, com o advento do twitter quem resiste à um RT?
 
Já ganhei ipod, e recentemente até uma TV Lcd num sorteio, mas sinceramente acho que não tenho lá muita sorte com sorteios não... mas quando os mais sortudos se ausentam, a sorte me sorri, então, sigo na expectativa. Quem não arrisca...

BP: Como se organiza com tantas promoções?O que leva em conta na hora de criar suas frases? 

Lavínia: Tenho um personal-organizator Tabajara chamado Baú da promoção!

Agora, falando sério, sou mega desorganizada. Tento participar das promos assim que as vejo no Baú, mas nem sempre estou em sintonia, daí acabo perdendo prazos.
Às vezes participo várias vezes de uma só promoção, outras esqueço de participar de uma... normal. Quando crescer eu aprendo.

BP: O que você acha de: 

Promoção de votos: Um saco. Falta de educação, incômoda, irritante. Chato para o promonauta, cansativo, e pouco criativa. Acaba ganhando quem é mais persistente, ou quem burla as regras..

Promo em redes sociais: Depende do método da promoção.

Há os sorteios, as promoções de frases, que amo.
É muito mais prático que preencher um milhão de vezes o mesmo cadastro, para participar da mesma promoção.
Só ficamos um tanto “expostos” pois qualquer um pode ver nossas frases, mas, é um preço a pagar pela facilidade.
Plágio: Na verdade o Plágio pra mim ainda é um mistério.

Não entendo como se pode considerar plágio apenas uma “cópia fiel”.
frases idênticas, mudando apenas algumas palavras. Cansei de ver gente ganhando com frases “minhas” ou de amigos, mas não é plágio, por quê mudou uma palavra, uma vírgula... na minha opinião é plágio sim.
Mas quando algumas empresas sequer ligam, eu acabo também não ligando... acho que cansei de reclamar... Mas, ás vezes ainda me manifesto...

BP: Todo Promonauta, na sua opinião, deve? Quais são suas principais dicas para quem deseja ver o nome mais vezes nos resultados? 

Todo promonauta deve ser ético. E ética não se ganha em promoção. O maior prêmio que as promoções me trouxeram foram amigos inesquecíveis, que vibram comigo quando ganho, que choram comigo quando perco... então sou muito ética. Se não posso responder, calo. Se não concordo, falo. E sigo. Por quê tudo quando partilhado, rende mais... e nisso aquela frase da matemática funciona.

Quanto a ver o nome mais vezes no resultado, acho que a receita é participar. Participe sempre, na maré boa ou ruim. Só ganha quem participa!

BP: Lavínia,obrigada por compartilhar com a galera do Baú suas experiências e vitórias no mundo das promoções. 

Sucesso sempre!

Outras Entrevistas com criativos super talentosos:

Curta a página do Baú da Promoção no Facebook e fique por dentro das melhores promoções! 

Comentários
14 Comentários

14 comentaram:

Thalita Costa disse...

Essa, sem dúvida, merece estar aqui, no hall da fama..hiuhui.. Uma das mais competentes promonautas que já vi. O nome dela pipoca sempre pelos resultados. E quando ela fala: 'meu Deus, meu nome sumiu', não demora mais que 5 minutos para ele reaparecer. Só faltou falar da filhona que veio na barriga importada diretamente de Paris..hiuhiu
Parabéns, xará..vc merece!!

Denis Carvalho disse...

Parabéns Lavínia e Aline pela brilhante entrevista. Essa é uma das seções mais inspiradoras do site!

Paula Peniche disse...

Linda a entrevista! Parabéns a Aline e a Lavínia!! Quando eu crescer eu quero ser que nem vcs! ;)

Cinthya Macchia disse...

Uaaaau! Parabéns, Lavinia! Merece estar aqui! :) Suceeeeesso!

Quanto aos micos e loucuras fazem parte, chega à ser frustrante quando não colhemos os frutos deles rsrsrs... mas em alguns casos é bem recompensador!

Eu também perdia vários prazos quando não me organizava, mas de um tempo para cá, comecei a pegar os links das promôs no bau e organizar por prazos no bloco de notas... assim não me perco mais! Simples e prático, vale a pena! :D

Andressa Marques disse...

Já tive sindrome do panico, não é falta de nada mesmo. Ah, parabens pela entrevista! :)

lavinia disse...

Gente, obrigada. Obrigada a todos. Me sinto tãaaooo honrada em estar aqui no baú, onde eu sempre vi meus "ídolos"... serve pra gente repensar, relembrar... e se orgulhar da gente! #Feliz Sucesso para todos nós!

Cinthya estou tentando fazer uma planilha. Mas sempre esqueço. =(

geraldinho disse...

Olá meus parabéns!!!!!

Vanesca Magalhães disse...

Linda entrevista!!! Lavínia vc é um exemplo... super criativa e de uma simplicidade ímpar!!

Parabéns Lavínia [sou sua fã!]e Aline por escolher essa maravilha de promonauta para mais uma entrevista de sucesso no Baú!! #amei

Ileane Cristina disse...

Parabénssssss, adorei a frase:

Quanto a ver o nome mais vezes no resultado, acho que a receita é participar. Participe sempre, na maré boa ou ruim. Só ganha quem participa!

Isso serve para mim, acho q vai cair do céu kkkkkkkk.

A. Kardec disse...

Parabéns Lavínia, além de criativa escreve mt bem, super articulada e coesa ! rs

Orleibjr disse...

A Lavínia é um doce de pessoa.Além de criativa é sortuda,e uma amiga excepcional.É minha professora no mundo das promoções.Apesar da distância,gosto muito dela.Parabéns Lavinia,você merece isso e muito mais!rsrsrs
Gostei muito da entrevista,parabéns também ao báu(a Aline)pela entrevista,pois é a experiência desses grandes promonautas,que surge o desejo de participar,a inspiração!

André Freitas disse...

oi Lavínia, parabéns pela entrevista e pelos prêmios!!

André Freitas disse...

oi Lavínia, parabéns pela entrevista e pelos prêmios...

André Freitas

Rosana Loretti disse...

Nossa parabéns Lavínia pela entrevista! Adoro o Baú tb e todos os promonautas sonham em está aqui mesmo e sonho é persistência e isso tenho e acredito que a maioria tem também, então galera vamos esperar por este maravilhoso momento. Beijãooo á todos!